Diversos

5 Dicas para quem quer ter mais controle financeiro

Você sabe o que é preciso para aprender como ter controle financeiro pessoal?

Mesmo que você cometa erros ainda quando jovem, há sempre tempo para aprender.

Mas afinal, o que fazer com o dinheiro? Jogar tudo em uma conta poupança com juros altos? Comprar algumas ações? Alugar um imóvel? Economizar para comprar uma casa?

banner 300x250

Ou morar no porão de seus pais até os cinquenta anos, porque não pode entrar no mercado imobiliário?

Então, para que você não sofra mais com esse tipo de questão, separamos algumas dicas incríveis sobre os principais erros cometidos nas finanças e o que você deve fazer para nunca mais passar por apuros, além de entender como ter controle financeiro. Confira abaixo!

1- Você está conversando com o seu parceiro (a) sobre dinheiro? Isso é necessário para aprender como ter controle financeiro?

como ter controle financeiro

Conversar com seu parceiro sobre dinheiro pode ser bastante desconfortável, especialmente se ainda é cedo para isso.

Mas conversar sobre dinheiro logo no início pode poupar muitos problemas relacionados a finanças e pode ajudar você a entender como ter controle financeiro.

banner 300x250

Não estamos dizendo que você deve falar sobre o quanto você tem em sua conta poupança ou quantas dívidas você tem no seu primeiro encontro, mas é importante considerar a compatibilidade financeira em um parceiro.

Se você é um poupador nato e seu parceiro gasta demais com cartão de crédito sem se preocupar com o final do mês, pode ter certeza de que as coisas não estarão equilibradas entre vocês dois.

É importante garantir que seu parceiro esteja de acordo com a sua vida financeira, para que você não se desvie. Se você estiver em um relacionamento sério e pretender manter-se nos próximos anos, sente-se e descubra como economizar melhor para o seu futuro e o do casal.

Algumas boas perguntas a serem feitas ao seu parceiro são:

  • Como é a segurança financeira para você?
  • Quais são seus objetivos financeiros?
  • Você prefere a ideia de finanças divididas ou conjuntas?

Se o relacionamento ainda for relativamente novo, você pode sugerir que economizem algo juntos, como um fim de semana fora ou ingressos para um cinema, pois isso lhe dará uma ideia de suas atitudes em relação à economia.

2- Compartilhar as finanças – isso está certo ou errado?

Se você está envolvido há algum tempo no relacionamento, é provável que você já tenha (ou esteja pensando em) compartilhar finanças. Afinal, compartilhar é cuidar, certo?

Não há nada de errado em compartilhar finanças, mas abrir uma conta conjunta é uma decisão que definitivamente não deve ser tomada no calor do momento.

Há muito a considerar: você confia em seu parceiro um cartão vinculado às suas economias? Seu relacionamento já está pronto para esse nível de compromisso?

Casamentos e relacionamentos desmoronaram porque uma pessoa gastou todo o dinheiro e fugiu, ou se recusou a devolvê-lo.

Ou, em um caso um pouco menos dramático, uma pessoa no relacionamento está economizando com esforço para algo e depois a outra gasta centenas de reais em roupas.

Isso não quer dizer que compartilhar finanças seja ruim, apenas que é uma decisão de pensar com calma.

3- Não economizar para sua aposentadoria não ajuda a entender como ter controle financeiro

como ter controle financeiro

Quando você está na casa dos vinte anos, a aposentadoria parece muito distante. Mas se você quer aprender como ter controle financeiro, precisa começar a pensar nisso desde cedo.

Ter a mentalidade de “vou me preocupar com isso mais tarde” vai prepará-lo para um desastre quando você for mais velho.

Se você acha que é jovem demais para começar a economizar, pense novamente. Quanto mais cedo você começar, mais terá.

Confiar nas contribuições do seu empregador pode deixar você sem o suficiente para uma aposentadoria confortável.

O recomendado é que você economize sua renda anual aos 30 anos, três vezes seu salário aos 40 anos, seis vezes aos 50, oito vezes aos 60 e dez vezes aos 67.

Para a maioria das pessoas, esses números simplesmente não são viáveis. Um estudo de 2014 constatou que a maioria das pessoas na faixa dos 30, 40 e 50 anos não têm economia de aposentadoria.

Talvez a melhor maneira de pensar em economia de aposentadoria não seja em termos de seu salário atual, mas quais são suas despesas e quais serão quando você se aposentar.

Deseja manter seu estilo de vida atual? Viver mais frugalmente? Viajar pelo mundo?

Tenha isso em mente para poder definir melhor o tipo de futuro que você quer ter!

4- Recorrer à terapia de varejo quando estiver se sentindo mal

Todos nós já estivemos nessa situação – algo está errado no trabalho, então você vai tomar um café para se sentir melhor.

Ou você não conseguiu o reconhecimento que queria, e para se livrar desse peso, gasta dinheiro com compras supérfluas.

Mas se você adquirir o hábito de comprar algo para se sentir melhor sempre que algo estressante acontecer, estará se preparando para terríveis hábitos financeiros.

Comprar algo no calor do momento pode parecer ótimo, mas é um sentimento de curta duração. Portanto, pense duas ou três vezes antes de comprar alguma coisa e avalie se é realmente necessário fazer isso, ou se você está apenas criando uma válvula de escape!

5- Sair do emprego após um dia ruim

como ter controle financeiro

Todos nós tivemos dias de trabalho em que parece que nada está dando certo e a tentação de sair é forte.

Se você planeja deixar o emprego, é aconselhável ter outra coisa alinhada antes de tomar essa decisão – caso contrário, poderá levar meses até que você encontre outro emprego!

Gostou das 5 dicas sobre como ter controle financeiro? Aproveite para clicar aqui e entender como guardar dinheiro para investir futuramente!

Patrocinado

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo